TRISTÃO E ISOLDA

Era uma vez o rei Leonês, que morreu em combate. Sua viúva deu à luz um menino e o chamou de Tristão, porque na tristeza havia nascido. O menino foi criado por seu tio Marcos, rei da Cornualha, e se tornou um guerreiro bom e corajoso. Um dia Tristão foi encarregado de descobrir uma esposa para Marcos. Num reino próximo ele encontrou a moça adequada - a princesa Isolda, a Loura - e a levou de navio para se juntar ao rei Marcos. Para garantir que os noivos se apaixonariam um pelo outro, a mãe de Isolda instruiu uma dama de companhia a fazê-los beber um filtro do amor. Mas, ainda durante a viagem, a moça serviu a poção mágica a Tristão e Isolda. Se já se sentiam mutuamente enamorados, a partir desse momento eles se uniram por uma paixão irreprimível e fatal.

 

Faça o download clicando aqui.