CINQUANTE-DEUX CLICS DE CURITIBA - JEAN FOUCAULT

Durante muitos anos, a abordagem poética do autor leva a capturar imagens fugazes de pessoas que conheçe, e essas imagens continuam seu caminho nele. Assim é, com o tempo, através das ruas, um mundo, um mundo interior é constituído por esses encontros maravilhosos.

Só publicou (2013) um livro intitulado Vidas cópias , que incide sobre as pessoas que cruzaram sua vida há alguns anos em Florença, Itália.

Jean continua esta jornada aqui por cruz e pelas ruas de Curitiba, entre julho de 2012 e março 2013.

Não há imagens pitorescas da cidade, portanto, nenhuma pesquisa fora do padrão. O inesperado, por vezes, é verdade, mas o inesperado tem sustentado no momento, toda a atenção momento. É o trabalho do poeta para revelar o que está acontecendo no mundo.

O título do livro e sua lógica do encontro com uma obra de Paulo Leminski, o grande poeta de Curitiba apresentado ao Museu Oscar Niemeyer (MON) em 2012-2013, na bela sala do Olho “,  MultiploLeminski  “. Paulo Leminski realizado em 1976 com o fotógrafo Jack Pires, uma série de poemas curtos, com fotos, sob a designação   : 40 cliques Curitiba .

Foi também instantâneos das ruas, captadas pelo artista Paulo Leminski, em seguida, respondendo com poemas curtos. O conjunto foi publicado no Jornal de Curitiba, a Gazeta do Povo .

Por que aqui a figura de 52 cliques? Não fazer melhor ou superar Leminski-Pires, mas simplesmente porque isso significa uma foto por semana, que simboliza o grande ano do autor em Curitiba.

 

R$ 45,00

FRETE GRÁTIS PARA TODO O BRASIL